Curta Ficção #074 – Não-ficção Literária, com Chico Felitti



Curta Ficção #074 – Não-ficção Literária, com Chico Felitti

Ouvir

Thiago LeeJana Bianchi Paola Siviero entrevistam Chico Felitti, autor do livro Ricardo e Vânia, e conversam, sobre as similaridades entre escrever ficção e não-ficção.

Comente no feed do podcast, na página do Facebook ou pelo Twitter, no @curtaficcao. A gente quer ouvir sua opinião!

***

ATENÇÃO!

Para ouvir o episódio, clique no botão play, no botão de download no plugin abaixo, ou escute pelo perfil do Curta Ficção no Spotify.

Curta Ficção no Spotify: https://open.spotify.com/show/7g006vOSEM82oK207XUX7E

Feed do podcast: http://curtaficcao.blubrry.com/feed/podcast/

***

Assinem nossa newsletter

Curtam nossa página no Facebook

Sigam-nos no Twitter

***

APOIE NOSSO FINANCIAMENTO COLETIVO!

COMO FUNCIONA O PICPAY?

Para nos apoiar pelo PicPay, primeiro baixe o app pelo Google Play neste link ou na Apple Store neste link, e então siga os passos abaixo. Depois é só escolher o plano de recompensas e a forma de pagamento.

 

ONDE ACHAR O CHICO

LINKS COMENTADOS

CONFIRAM NOSSOS TRABALHOS

VINHETA DE ABERTURA/ENCERRAMENTO

Música Cabidela, da banda pernambucana Mombojó – distribuída através da licença Creative Commons

Dúvidas, comentários, sugestões – contato@curtaficcao.com.br


2 thoughts on “Curta Ficção #074 – Não-ficção Literária, com Chico Felitti

  1. Olás,

    Muito bacana o episódio. Obrigado pelos links e pela oportunidade de conhecer a história do Ricardo. Muitas vezes a “não-ficção” parece tão inverosímel que é como se fosse ficção. O livro deve ser bem interessante. Aquele documentário Wild Wild Country também mostra uma história real, mas que é tão surreal que supera muitas obras de ficção que lemos por aí.

    Valeu!

    1. Oiê, Carlos!

      Eu tô com o livro pra ler e tô super ansiosa, ainda mais depois que falamos com o Chico! E simmmm, tem hora que a realidade supera todas as fições (e isso é lindo). Obrigada por comentar! <3

      Abração!
      Jana

Leave a Reply

*