Vitrine

Estes são alguns dos nossos queridos apoiadores que contribuem mensalmente com o financiamento coletivo do Curta Ficção. Para retribuir, separamos um espacinho em nossa página para divulgar suas obras. Um pequeno hall da fama, por assim dizer. São eles (em ordem alfabética):


Ana Lúcia Merege é carioca e trabalha com manuscritos medievais, coloniais e literários na Biblioteca Nacional. Publica pela Editora Draco a série de fantasia Athelgard, iniciada com "O Castelo das Águias”. Pela mesma editora, organizou as coletâneas “Magos”, "Excalibur" e "Medieval". Publicou também os romances "O Caçador" e "Pão e Arte", o ensaio "Os Contos de Fadas", contos e artigos. Quando não está contando histórias nem decifrando textos antigos, Ana gosta de viajar para destinos culturais e ecoturísticos. Também adora ser convidada para visitar escolas e bibliotecas e participar de eventos para falar de livros e literatura.

Website: https://estantemagica.blogspot.com/ Blog: http://castelodasaguias.blogspot.com/ Facebook: analucia.merege Twitter: @anamerege Saiba mais: https://www.bn.gov.br/acontece/noticias/2015/04/perfil-ana-lucia-merege-quer-conquistar-leitores Publicações:

Anna e a Trilha Secreta, escrito por Ana Lúcia Merege e ilustrado por Ericksama, é o primeiro livro a mostrar um outro lado do fantástico universo de Athelgard. Agora pelo olhar dos mais jovens, visite a magia e a imaginação que encantaram os leitores de O Castelo das Águias , A Ilha dos Ossos e O Tesouro dos Mares Gelados . Mas cuidado para não se perder. Siga o seu coração e nos diga o que há no final dessa trilha.

Link: https://editoradraco.com/produto/anna-e-a-trilha-secreta-ana-lucia-merege

Medieval: Com este livro você viajará pelo tempo e pelo espaço, para essa época onde sempre se imaginam os mais incríveis mundos de fantasia. Num tapete mágico, num drakkar, num corcel de batalha — ou simplesmente nas asas de sua imaginação.

Link: https://editoradraco.com/produto/medieval-contos-de-uma-era-fantastica/

O Castelo das Águias, romance fantástico de Ana Lúcia Merege, é um lugar especial. Localizado nas Terras Férteis de Athelgard, região habitada por homens e elfos, abriga uma surpreendente Escola de Magia, onde os aprendizes devem se iniciar nas artes dos bardos e dos saltimbancos antes de qualquer encanto ou ritual.

Link: https://editoradraco.com/produto/o-castelo-das-aguias-ana-lucia-merege/

Ariel Ayres: Sou um autor de 24 anos, que escreve desde os 14. Publiquei 4 romances, tenho um conto publicado pela Revista Trasgo e me dedico à fantasia em várias vertentes. Tenho trabalhos em fantasia urbana, alta fantasia, steampunk e ficção científica. Meu traço mais marcante na escrita é a presença muito forte da narração, seja ela em primeira ou terceira pessoa.

Medium: @arielayres Facebook: ariel.ayres Twitter: @TritaoDasTreta Instagram: arielayres Publicações:

A Explosão do Impressionante Centro de Coisas Absolutamente Legais: A publicidade é algo que não funciona muito bem em Karakhita, porque lá as pessoas são um pouco diretas demais. Algumas situações chegam a ser ridículas, pelo menos olhando pelos olhos de nossa cultura terráqueo-ocidental. Um bom exemplo disso foi quando Vylgrtr Cvngrt (a mãe dele odiava vogais, mas essa é outra história) lançou seu famoso-porém-ilegível romance, Vrtafds Plrtbvc. A sinopse era tão direta e tão pouco vendável que acabou funcionando. Ela dizia "compre e leia meu livro". Acho que podemos usar um pouco dessa magia karakhtana aqui: é a história de um saci em um patinete, uma explosão, uma mulher invisível de bigode e de como tudo isso se relaciona. Bem... compre e leia meu conto.

Link: https://www.amazon.com.br/dp/B0745FC8X1/

O Quatro: "Olá, leitor! Entre, acomode-se e divirta-se com a história que vou contar. Você gosta de romance, aventuras, heróis e de finais felizes? Você curte o amor, a esperança e a vida? Você veio pro lugar errado, então. Vamos jogar as máscaras para cima e ser sinceros conosco: eu não estou aqui para te fazer bem, para te tratar como a pessoa mais importante do mundo e muito menos me importo com isso. Estou aqui para te ferir, para te preparar para o pior e arrancar de dentro de você qualquer ilusão sobre felicidade. Essa história não é feliz e muito menos pretende ser. 'O Quatro' vai te mostrar o sofrimento de quatro adolescentes dotados de um vazio grande demais. Eles foram escolhidos para servirem de veículo para os quatro elementos que - surpresa! - vieram para dizimar essa raça humana podre. O livro acompanha os quatro dias onde tudo pode acontecer; onde as criaturas assassinam, machucam, torturam e se aproximam de forma ininterrupta do segundo apocalipse. Eu estou aqui apenas para me divertir. E você vai ficar." - O Narrador

Link: https://www.amazon.com.br/dp/B079B48BTL

Beatriz Santos: Mestra em Literatura Comparada pela UFRJ, medievalista, especialista em tradução de Inglês pela UNESA. Pesquisadora em estudos de gênero e feminismo. Tradutora Inglês-Português e revisora textual, co-hostess e pauteira dos podcasts Ponto G e HQ da Vida.

Twitter: @beatriz_santos Lattes: http://lattes.cnpq.br/9586527371703012 Publicações:

Dissertação de Mestrado: A mulher de Bath nos contos de cantuária : reflexões sobre o feminino e o controle do corpo no medievo e seus ecos na contemporaneidade: A partir da reflexão crítica acerca do legado sociocultural que a Idade Média nos deixou, presente nas falas dos diversos estratos sociais contidos no conjunto de narrativas escritas por Geoffrey Chaucer e denominado Os Contos de Cantuária, este trabalho tem como objetivo discutir a influência dos textos medievais (sejam literários ou históricos) na perpetuação de alguns comportamentos e práticas excludentes na sociedade pós-moderna, especialmente no que tange às mulheres. Para tanto, alguns exemplos do pensamento intelectual medieval sobre o feminino serão fundamentais para nossa reflexão. Tendo em vista que muitas dessas obras literárias vêm sendo recriadas e recontadas através dos séculos, pretendemos analisar em nosso trabalho como uma das narrativas de Chaucer, o prólogo do Conto da Mulher de Bath, é readaptado nos séculos XX e XXI pela televisão e pelo cinema. Além disso, procuraremos refletir principalmente sobre a recriação da personagem-título e como a partir dela e das formulações de teóricos da literatura, dos estudos culturais e historiadores podemos pensar em questões ligadas à independência feminina sobre seu corpo e ao estudo de gênero.


Carol Vidal nasceu no Rio de Janeiro e mora em Salvador desde 2012. A paixão pelas palavras a fez estudar Jornalismo, porém, esse tipo de texto não supriu sua necessidade de colocar em palavras o que acha da vida; seu coração bate mesmo é pela Literatura. Do Jornalismo carregou a escrita simples e objetiva, mas não menos profunda, e descobriu um prazer, não só em produzir textos de ficção, mas em falar sobre o tema na newsletter Devaneios Criativos. Atualmente está escrevendo seu primeiro romance, tem uma ficção relâmpago publicada na Revista Mafagafo, lançou uma zine independente e publica resenhas de livros na Revista Subjetiva, no Medium.

Medium: @carolvidal Tinyletter: https://tinyletter.com/carolvidal_ Twitter: @carolvidal_ Instagram: carolvidal_ Publicações:

Zine Nova História: Contos inspirados em música: Nessa zine independente, lançada para apresentar o trabalho da autora, estão reunidos cinco pequenos contos inspirados em músicas. A experiência de leitura é completa: ao final de cada texto, há o QR Code com acesso à canção que inspirou o conto, uma forma de espalhar duas paixões de uma vez: boa música e boas histórias.

Link: Para adquirir uma, mande e-mail para carolvidal.escritora@gmail.com

Karen Alvares é um dos expoentes de literatura de terror e suspense psicológico no Brasil. Iniciou há mais de cinco anos a carreira literária, com livros autopublicados e publicados a convite de editoras, e já conquistou prêmios em alguns de seus contos publicados em antologias e romances, com destaque para o Celebrando Autores Independentes, da Amazon, na Bienal do Livro São Paulo 2016. Autora de Alameda dos Pesadelos (Cata-vento, 2014) e de Inverso e Reverso (Draco, 2015 e 2016), vive em Santos/SP.

Website: http://karenalvares.com.br Youtube: https://www.youtube.com/user/karenvsalvares Facebook: autorakarenalvares Twitter: @karen_alvares Instagram: karen_alvares Publicações:

"Alameda dos Pesadelos não é apenas um thriller assustador, ele vai além disso. Ele é um livro completo", Dica do Leitor Vívian era apenas uma mulher solitária, presa em uma rotina comum, até presenciar um acidente, à noite. A partir daí, seu pesadelo começa: passa a ter visões de um homem que conheceu no passado e nunca mais desejava encontrar. E o pior: ele quer vingança. Até que ponto um pesadelo é fruto da imaginação? Vívian descobre que o limite entre a alucinação e a realidade é tão pequeno que a loucura está apenas a um passo de distância. O pesadelo pode estar escondido em nossa mente, como um monstro à espreita, esperando a chance de despertar. Para escapar do seu horror particular, Vívian precisará entender quais foram seus erros. E, finalmente, aceitar a própria culpa.

Link: https://amzn.to/2Vw10wP

Horror em Gotas: “Vou lhe contar uma história, mas você tem que prometer não contar a ninguém. Queime esses papéis.” Desde sua publicação, Horror em Gotas tem sido o remédio que cura o tédio dos leitores com doses diárias de terror. Mas sempre há quem não resista e devore toda a cartela de contos de uma vez, numa terrível overdose de horror. E você, conseguirá resistir? Nessa edição especial comemorativa do seu aniversário de 3 anos, Horror em Gotas retorna em nova embalagem, com uma dose a mais. Um conto inédito e amargo, que poderá curá-lo ou atormentá-lo para sempre. 31 contos. Uma gota por dia, um pesadelo por noite, para que você sinta o horror desses personagens na própria pele. Tranque as portas. Apague as luzes. Não olhe para trás. O medo está à espreita e o seu tempo está acabando. Tique. Taque.

Link: https://amzn.to/2EFkbPq

"O Titereiro: "Um conto onde sensualidade e delicadeza se unem a um cenário obscuro, conduzindo o leitor a um horror profundo", Glau Kemp, autora de Quando o mal tem um nome Laura ganhou um concurso na faculdade e o direito a uma viagem com as despesas pagas para um seminário de moda, mas descobre que o hotel onde irá se hospedar é no mínimo curioso: os hóspedes se vestem como se o tempo tivesse parado há séculos, os funcionários têm medo de falar com ela, os elevadores possuem grades de ferro e os quadros parecem assustadoramente reais. Mas ela ignora todas as estranhezas do lugar ao conhecer um estranho sedutor, um homem que toca o piano como o corpo de sua amante. Sua música encanta e entorpece à mesma medida, e Laura se sente irresistivelmente atraída. Porém, o que poderia ser uma noite agradável e divertida se transforma em um jogo perigoso.

Link: https://amzn.to/2tIJ6eB

Mayara Barros nasceu em 1992, no Rio de Janeiro. Formada em Jornalismo pela Uerj, é Mestre em Comunicação. Publicou Caleidoscópio , pela Editora Illuminare, e os contos Crystalline , A Guardiã da Magia e Preferida , como ebook na Amazon. Participou das antologias Contos de Fada , Anjos e Demônios , ambas da Illuminare; Valquírias , da Darda Editora, e Momentum , organizada e editada por Gabriela Martins. Atua como editora-chefe na Revista Avessa desde 2014 e mantém um blog pessoal, Naive Heart, desde 2011.

Website: http://maybarros.com.br Website 2: http://naiveheart.org Facebook: nhnaiveheart Twitter: @MayFPBarros Padrim: http://padrim.com.br/naiveheart Publicações:

In The Dark Artbook: 31 ilustrações. 31 microcontos. 31 Pedaços de história para despertar a imaginação. Durante o mês de outubro de 2017, a autora Mayara Barros participou do Inktober, um desafio para artistas cujo objetivo é fazer um desenho por dia usando técnicas tradicionais (tinta, lápis, aquarela, etc), e do Drawlloween, outro desafio artístico, este com temática de Dia das Bruxas para criar 31 desenhos. Além de desenhar, escreveu

Link 1: http://maybarros.iluria.com/ Link 2: https://gum.co/inthedarkartbook

A Guardiã da Magia: Giovana finalmente pode atravessar, mas o mundo mágico que ela conhecia precisa de ajuda quando ela o encontra vazio. Agora, ela é a única que pode descobrir como trazer todo mundo de volta.

Link: https://amzn.to/2XML5fF

"Preferida: Camila só queria escapar do calor e passar o dia com sua amiga Aline. Mas a amiga tinha outros planos e Camila, sendo arromântica, precisa tomar uma decisão difícil.

Link: http://amzn.to/2tyVaBI

Rafael Priviero D’Abruzzo é escritor e leitor voraz de diversos estilos literários. Com apenas dois contos publicados até o momento e autor de tantas outras histórias engavetadas, está terminando a edição de seu primeiro romance.

Medium: @rafaeldabruzzo Facebook: rafaeldabruzzo Twitter: @rafaeldabruzzo Instagram: rafaeldabruzzo Publicações:

Versos Passados: Uma história marcada pela ferrugem do tempo. Um relacionamento desgastado, já longo e sem perspectivas de mudança. Estagnado. Victor e Luna se conheceram ainda adolescentes e se envolveram de forma quase platônica. O destino, porém, os levou a percorrer caminhos separados, embora estivessem juntos. Buscando as respostas no fundo de uma garrafa, Victor repassa sua vida através dos versos de um caderno velho, marcado pelas lembranças e pelo pesar.

Link: https://www.wattpad.com/story/163848116-versos-passados

O Intruso

Link: http://www.escritacriativa.com.br/?apid=7527&tipo=1&dt=-1&wd=&titulo=O%20Intruso

Rubem Mayer é um escritor de São Paulo, visto sempre na frente do computador, variando entre escrita, programação e estudo. Caso tenha a sorte de encontrá-lo fora de seu habitat natural, será invariavelmente no interior, na praia ou no bar.

Website: https://rubemmayer.com/ Medium: @rubemmayer Instagram: rubemmayer Publicações:

O Homem de Terno: O quanto a sua vida pode ser afetada por pesadelos? E por uma tarefa incomum? Francisco Gamma é o programador de uma pequena empresa. Embora na superfície tudo pareça bem, a recorrência de um pesadelo e as tarefas de um projeto estranho começam a ocupar sua mente e suas ações. Incapaz de conseguir uma solução direta, ele precisa buscar as respostas para perguntas difíceis de serem feitas.

Link: https://rubemmayer.com/o-homem-de-terno/